PASS (PLANOS SAÚDE /ODONTOLÓGICOS)

Última atualização: 25/07/2017

PASS - PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA À SAÚDE DO SERVIDOR

Com o objetivo de articular programas e ações internas que visam garantir o bem-estar e a saúde dos servidores da Universidade foi criado, no ano de 1991, o PASS (Programa de Assistência à Saúde do Servidor), que além de divulgar e incentivar a participação dos funcionários nos programas preventivos promovidos pela Universidade, disponibiliza para o servidor convênios com diversas instituições de assistência médica, odontológica e seguros de vida. 

O GGBS deverá aprimorar tais procedimentos já implementados e implementar outros, isso além de divulgar e incentivar a participação nos programas preventivos do Cecom. 

Contato: Prédio 3 da Reitoria (mesmo prédio onde funciona a DGRH) - Térreo / Telefones: 3521-4848 / 3521-4849 / 3521-4900 / e-mail: ggbspass@unicamp.br
 
Última atualização: 17/01/2019

IMPORTANTE
Os planos de saúde são necessários devido às graves situações da nossa saúde pública, em muitos aspectos.  Com a decisão da ANS   - Agência Nacional de Saúde Suplementar - em proibir Plano  Familiar, valendo só o plano individual e por faixa etária, vários problemas surgiram, em especial para as faixas etárias próximas a 60 anos, visto que pelo Estatuto do Idoso, tais faixas não poderão sofrer alterações de faixa de custo. Neste caso as operadoras, preventivamente, aplicam custos altos para tais faixas, o que tem gerado problemas sérios. O GGBS, no tocante aos planos de sua responsabilidade tem dado diversos encaminhamentos internos, sempre acompanhados pelos usuários. Muitos desses usuários, estando em tratamento, não podem ficar sem o plano. Estamos à disposição para essas providências e também você, usuário que estiver enfrentando problema com a Operadora pode se informar sobre seus direitos e reclamar. O telefone da ANS – Agência Nacional de Saúde Suplementar é 0800-701-9656. E o site da agência é www.ans.gov.br
 
  • Confira a Resolução Normativa DC/ANS Nº 279 de 24.11.2011, que regulamenta o direito de manutenção da condição de beneficiário para ex-empregados demitidos ou exonerados sem justa causa e aposentados CLIQUE AQUI
  
 
Informações importantes válidas para todos os planos médicos
PARA EXCLUSÃO DE DEPENDENTES É OBRIGATÓRIO OS CPF's ESTAREM CADASTRADOS NA DGRH
APOSENTADOS NÃO PODEM REALIZAR ADESÕES (conforme Resolução Normativa DC/ANS Nº279)



Parcerias firmadas com o GGBS
 
 
Última atualização: 17/08/2020

Atenção: O GGBS realiza somente EXCLUSÃO. Para INCLUSÃO, dirija-se ao SABE (endereço abaixo).

PLANOS:
  • COLETIVO: SABE TOTAL STD C/ OBST
  • PRIVATIVO: SABE TOTAL PLUS COLETIVO EMPRESARIAL


Endereços: 
 
  • SABE
    Av. Barão de Itapura, 761 - Botafogo - Campinas - SP
    Fones: 3500-1500 - das 8h às 17h
    Levar originais e cópias dos seguintes documentos: Nº SUS, Identidade Funcional Unicamp, RG, CPF e Folha de Margem Consignável (para obter a margem, acesse o sistema Vida Funcional)
     
  • Hospital Beneficência Portuguesa - Rua Onze de Agosto, 557 - Botafogo - Campinas 
    Fone: 08007704548

 


CARÊNCIA DO PLANO
 

  1 - URGÊNCIA/EMERGÊNCIA: ATÉ CHEGAR A CARTERINHA
 

  2 - CONSULTAS: 30 DIAS
 

  3 - EXAMES / AUX/ DIAG: 30 DIAS
 

  4 - INTERNAÇÃO CLÍNICA: 6 MESES
 

  5 - ALTA COMPLEXIDADE: 6 MESES
 

  6 - INTERNAÇÃO OBSTÉTRICA: 1 ANO


 

Faixas Etárias

Acomodação

Coletiva

Privativa

00 a 18

128,98

193,52

19 a 23

140,21

210,28

24 a 28

157,01

235,53

29 a 33

173,81

260,73

34 a 38

190,63

285,97

39 a 43

229,90

344,86

44 a 48

299,97

449,97

49 a 53

339,22

508,86

54 a 58

442,97

664,49

59 ou mais

686,91

1030,39

 
LEIA COM ATENÇÃO AS INFORMAÇÕES A SEGUIR

Serão considerados USUÁRIOS DEPENDENTES aqueles que mantêm vínculo familiar através das hipóteses abaixo mencionadas:
  1. Cônjuge;
  2. Companheira ou companheiro, havendo união estável de, no mínimo, 02 (dois) anos ou filho em comum e desde que não concorra com o cônjuge;
  3. Filhos e filhas de qualquer idade;
  4. Enteados, enteadas, filhos e filhas adotivos de qualquer idade;
  5. Menores tutelados e os curatelados, que ficam equiparados aos filhos e filhas (letra “c”);
  6. Netos (as);
  7. Bisnetos (as) do titular e/ou cônjuge;
  8. Irmãos e, sobrinhos do titular e/ou cônjuge;
  9. Cunhado (s) do titular e/ou cônjuge. (Irmãos do cônjuge ou cônjuge dos irmãos).
 

Obs.: exclusivo para:
- exclusão do titular
- exclusão de dependente
- alteração dos dados originais
- emissao de 2ª via do cartão titular
- emisssão de 2ª via do cartão dependente

Clique aqui (arquivo no formato PDF)

Enviar o formulário para ggbscatend@reitoria.unicamp.br

 

Para mais informações clique aqui
 
Última atualização: 07/01/2019



O Aplicativo Saúde Beneficência foi criado para facilitar a interação com seus beneficiários, contando com algumas funcionalidades de importância:
• Rede Credenciada
• Localização dos médicos e pontos de atendimento
• Rede de farmácias
• Envio de chamados para nossa central
• Controle financeiro
• Acompanhamento de pagamentos
• Noticias e informações
• Notificações
• Informações de seu plano
• Consulta de novos planos

Para instalar o aplicativo no seu celular, acesse o Google Play e procure por "SAÚDE BENEFICÊNCIA"

Link do aplicativo na Internet: https://play.google.com/store/apps/details?id=br.com.beneficencia&hl=pt_BR

Obs.: o aplicativo está disponível atualmente somente para a versão Android

 
 
Última atualização: 22/08/2019

  
 
Última atualização: 13/08/2020

 

  1 - URGÊNCIA/EMERGÊNCIA: ATÉ CHEGAR A CARTERINHA
 

  2 - CONSULTAS: 30 DIAS
 

  3 - EXAMES / AUX/ DIAG: 30 DIAS
 

  4 - INTERNAÇÃO CLÍNICA: 6 MESES
 

  5 - ALTA COMPLEXIDADE: 6 MESES
 

  6 - INTERNAÇÃO OBSTÉTRICA: 1 ANO


 

Faixas Etárias

Acomodação

Coletiva

Privativa

00 a 18

122,84

184,26

19 a 23

133,53

200,29

24 a 28

149,53

224,30

29 a 33

165,53

248,30

34 a 38

181,55

272,33

39 a 43

218,95

328,42

44 a 48

285,69

428,54

49 a 53

323,07

484,60

54 a 58

421,88

632,82

59 ou mais

654,20

981,30

 
Última atualização: 22/08/2019


CARÊNCIA DO PLANO
 

  1 - URGÊNCIA/EMERGÊNCIA: ATÉ CHEGAR A CARTERINHA
 

  2 - CONSULTAS: 30 DIAS
 

  3 - EXAMES / AUX/ DIAG: 30 DIAS
 

  4 - INTERNAÇÃO CLÍNICA: 6 MESES
 

  5 - ALTA COMPLEXIDADE: 6 MESES
 

  6 - INTERNAÇÃO OBSTÉTRICA: 1 ANO


 

Faixas Etárias

Acomodação

Coletiva

Privativa

00 a 18

106,82

160,23

19 a 23

116,11

174,17

24 a 28

130,03

195,05

29 a 33

143,94

215,91

34 a 38

157,87

236,81

39 a 43

190,39

285,59

44 a 48

248,43

372,65

49 a 53

280,93

421,39

54 a 58

366,85

550,28

59 ou mais

568,87

853,30

 
Última atualização: 22/08/2019

Faixas Etárias Coletiva (R$) Privativa (R$)
0 a 18 98,91 148,37
19 a 23 107,51 161,26
24 a 28 120,40 180,59
29 a 33 133,28 199,93
34 a 38 146,18 219,28
39 a 43 176,29 264,44
44 a 48 230,03 345,04
49 a 53 260,12 390,19
54 a 58 339,68 509,52
59+ 526,73 790,09
 
Última atualização: 03/07/2020

Plano médico Unimed, exclusivo para funcionários e docentes da Unicamp. 

Características do plano: 
  • Abrangência Nacional. 
  • O plano poderá ser utilizado imediatamente (urgências e emergências). 
  • Todos os interessados que já são conveniados à Unimed Campinas ou à Unimed através do PASS-Unicamp (GGBS) não terão nenhuma carência. Nos demais casos (outras Unimeds ou outros planos), cumprirá todas as carência vigentes a partir da data de finalização da adesão (após a entrega dos documentos) ou na forma que estabelecer a lei.
  • Não há fator equilíbrio e nem moderador. 
  • A mensalidade é descontada em folha de pagamento.
Carências:
  • Procedimentos em casos de urgência e emergência = 0 HORAS
  • Consultas com Médicos, Nutricionistas, Fonoaudiólogos, Psicólogos e Terapia ocupacional = 30 Dias
  • Atendimento de remoção inter-hospitalar = 30 Dias
  • Reeducação e Reabilitação Física = 30 Dias
  • Exames Simples = 30 Dias
  • Exames Sofisticados = 6 Meses
  • Procedimentos clínicos e cirúrgicos ambulatoriais = 6 Meses
  • Internações e Cirurgias Programadas = 6 Meses
  • Radioterapia = 6 Meses
  • Quimioterapia - 6 Meses
  • Litotripsia = 6 Meses
  • Ressonância Nuclear Magnética = 6 Meses
  • Tomografia Computadorizada = 6 Meses
  • Procedimentos de cirurgia cardíaca e Hemodinâmica = 6 Meses
  • Transplante renal e de córnea, hemodiálise crônica, internação psiquiátrica, cirurgias refrativas previstas no rol, genética (procedimentos diagnósticos), septação gástrica (cirurgia de obesidade mórbida) = 6 Meses
  • Internações obstétricas para parto = 10 Meses
 

Comunicado sobre o reajuste anual Unimed Campinas (Plano GGBS Unicamp - Maio/2020)
 

Faixas Etárias
Coletivo (RS)
Privativo (R$)
0 a 18
168,79
258,26
19 a 23
195,83
299,64
24 a 28
227,89
348,66
29 a 33
268,43
410,70
34 a 38
319,03
488,14
39 a 43
362,94
555,29
44 a 48
413,57
632,76
49 a 53
487,84
746,42
54 a 58
590,85
903,98
a partir de 59
1.011,19
1.547,13




LEIA COM ATENÇÃO AS INFORMAÇÕES A SEGUIR

Somente funcionários e docentes pertencentes aos quadros da Unicamp poderão aderir ao plano.
 
IMPORTANTE: a adesão ao novo plano UNIMED é opcional aos funcionários e docentes que já são conveniados através do PASS-UNICAMP. Estes devem se informar e verificar se a migração para o novo plano é vantajosa.
Confira algumas informações importantes:
 
1 - SOBRE O REAJUSTE:
Será anual, determinado pela sinistralidade do plano mais o índice do IPCA e quando da mudança de faixa etária mais o reajuste de acordo com a idade.
 
2 - SOBRE A COBRANÇA:
Será feita através de desconto em folha.
 
3 - SOBRE A CARÊNCIA:
1 - Os interessados que são conveniados à Unimed Campinas e querem mudar para este plano Unimed, terão 30 dias a partir da data do desligamento para fazer a adesão, sem carência.
2 - Quando um(a) funcionário(a) se casa, tem 30 dias a partir da data do casamento para inserir o(a) dependente sem carência.
3 - Para inserir um filho recém-nascido, o(a) funcionário(a) tem 30 dias a partir da data de nascimento do mesmo para inserí-lo como dependente, sem carência.

Nos demais casos (outras Unimeds ou outros planos), ocorrerão todas as carências, a partir da data de finalização da adesão (após a entrega dos documentos) ou na forma que estabelecer a lei.
 
4 - SOBRE O VALOR DO PLANO:
O valor total de custo do plano se dá pela soma do valor da faixa etária de cada indivíduo titular + dependente(s).
 
5 - SOBRE AS CONSULTAS:
Não há limitação do número de consultas, porém, alertamos para uso racional do plano, sem abusos,  para que o mesmo na época do reajuste possa manter valores como os de hoje.
 
6 - SOBRE OS LOCAIS DE ATENDIMENTO:
O plano tem abrangência nacional, ou seja, o usuário poderá utilizar em qualquer local do País onde haja atendimento Unimed.
 
7 - SOBRE OS DEPENDENTES:
Poderão ser dependentes:
- Cônjuge 
- Companheiro(a) 
- Filhos inválidos de qualquer idade
- Filhos solteiros e filhos adotivos até 35 (trinta e cinco) anos
- Pai e mãe
- Sogro e sogra (desde que o filho(a) esteja também inscrito no contrato)
- O tutelado e o curatelado, enquanto vigorar a decisão judicial
- Enteados(as), solteiros até 35 anos, desde que o pai ou a mãe esteja também inscrito no contrato
- Menor sob guarda para fins de adoção
Caso ainda tenha dúvidas, antes de preencher a proposta, informe-se através do ramal 14849

8 - DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA PARA A ADESÃO DO PLANO
- Para o titular do Plano:  RG, CPF e Comprovante de Endereço
- Para os dependentes (cônjuges, companheiros, filhos, enteados): RG, CPF, Certidão de Casamento (no caso de cônjuge), Escritura pública de União Estável feita em cartório (no caso de companheiro(a) e Certidão de Nascimento (no caso de filhos/enteados).
- Para os agregados (pai/mãe/sogro/sogra): RG, CPF e Comprovante de Endereço

 




CLIQUE AQUI  
para fazer a sua adesão


 

Obs.: exclusivo para:
- Inscrição de Dependente
- Exclusão de Dependente
- Exclusão de Titular
- Alteração de Dados Originais
- Emissão de 2ª via do Cartão Titular
- Emissão de 2ª via do Cartão Dependente
- Alteração de Acomodação P/Coletivo
- Alteração de Acomodação P/Privativo

Clique aqui (arquivo no formato PDF)

Enviar o formulário para ggbspass@unicamp.br



Obtenha mais detalhes sobre o plano Unimed. 
Entre em contato com a Recepção do PASS ( Prédio 3 da Reitoria - Térreo) 
Telefone: 3521-4849 (ramal interno 14849). 

Apresentação em pdf
 
 
Última atualização: 03/02/2020

  • O que o plano cobre?
    Assistência médico-hospitalar (procedimentos clínicos e cirúrgicos, ambulatoriais, hospitalares e obstétricos, , por intermédio dos médicos cooperados e de hospitais e serviços credenciados de diagnósticos e terapia). Contrato regulamentado de acordo  com a Lei n° 9656/98. 
     
  • Quem pode aderir ao plano?
    Somente funcionários e docentes da Unicamp. 
 
  • Quais dependentes poderão ser inseridos?
    Pai, Mãe ou Sogro(a) mediante a comprovação.
    Cônjuge ou companheiro, desde que cumprida as exigências da Unimed
    Filhos inválidos de qualquer idade
    Filhos solteiros e adotivos até 35 anos
    Tutelados e curatelados, enquanto vigorar a decisão judicial
    Enteados solteiros até 35 anos, desde que o pai ou a mãe esteja também inscrito no contrato
    Menor sob guarda para fins de adoção
     
  • Há limite no número de dependentes?
    Não, o número de dependentes é ilimitado 
     
  • Qual a idade limite para o aceite de filhos como dependentes?
    35 anos
     
  • Há carência no novo plano da Unimed?
    Todos os interessados que já são conveniados à Unimed Campinas ou à Unimed através do PASS-Unicamp (GGBS) não terão nenhuma carência. Nos demais casos (outras Unimeds ou outros planos), haverá carência de 30 dias a partir da data de finalização da adesão (após a entrega dos documentos) ou na forma que estabelecer a lei.

    Obs: Pessoas que ingressarem na Unicamp como funcionários, filhos recém nascidos e casamento, terão 30 dias para realizarem o plano sem carência

     
  • Serão mantidas as mesmas características de atendimento, consultas, exames , internações e hospitais dos atuais  planos oferecidos pela Unimed?
    O plano é regulamentado conforme lei 9.656/98 e terá os mesmos direitos. Consultas agendadas direto no consultório de um cooperado, exames (a maioria é liberados pelo 0800), alguns parametrizados que necessitam de auditoria. Plano de extensão nacional
     
  • Como é calculado o valor total do plano?
    O valor total de custo do plano se dá pela soma do valor da faixa etária de cada indivíduo titular + dependente(s).
    Exemplo: Plano coletivo: titular de 40 anos, e os dependentes de 36 e 18 anos. Será somado R$178,35 (40 anos) + R$156,79 (36 anos) e R$82,95 (18 anos), totalizando R$418,09 (atenção: os valores citados neste tópico não estão atualizados; são apenas exemplos... confira os valores corretos na tabela de preços acima)
     
  • Como será efetuado o pagamento do plano junto à Unimed?
    O pagamento à Unimed será realizada diretamente na folha de pagamento. Não existe a possibilidade de fazer o pagamento em boleto ou débito em conta corrente. O funcionário que não possuir margem para o desconto em folha não poderá aderir ao plano. 
     
  • Qual o prazo do contrato e terá reajustes?
    O contrato é anual, e está sujeito a reajuste anual determinado pela sinistralidade do plano mais o índice do IPCA e quando da mudança de faixa etária mais o reajuste de acordo com a idade.
     
  • O que é Sinistralidade?
    É a diferença obtida na aplicação da fórmula. Ela determinará se os valores arrecadados estão sendo suficientes para manutenção do plano. 
     
  • Qual a diferença entre o atual plano da Unimed/PASS-Unicamp e o novo plano?
    O contrato atual da Unicamp de nº 0481 é semelhante ao  novo contrato. O que mudará é a forma de pagamento, ou seja, neste novo plano não haverá cobrança de Fatores Equilíbrio e moderador.
     
  • Há limitação do número de consultas?
    Não, porém , alertamos para uso racional do plano, sem abusos para que o mesmo  na época do reajuste possa manter valores como os de hoje.
     
  • No novo plano há fator equilíbrio e moderador?
    Não há fator equilíbrio e nem moderador. Você pagará somente o valor da mensalidade.
     
  • Qual a área de abrangência desse plano?
    Abrangência nacional, ou seja, o usuário poderá utilizar em qualquer local do País onde haja atendimento Unimed.
     
  • Manutenção do plano de saúde para demitidos e aposentados
    Link direto para o site da ANS - Agência Reguladora de Planos de Saúde do Brasil
    Dispõe sobre a regulamentação dos artigos 30 e 31 da Lei nº 9.656, de 3 de junho de 1998, e revogadas
    Resoluções do CONSU nºs 20 e 21, de 23 de março de 1999, e o artigo 30 da Resolução Normativa – RN
    nº 195, de 14 de julho de 2009. Leia na Íntegra
     
  • Segunda via da carteirinha:
    Fazer depósito no valor de  R$10,00 (Dez reais) -  Banco do Brasil - Agência 4203-x  -  Conta Corrente: 44293-3


ANS - Agência Reguladora de Planos de Saúde do Brasil
 
 
Última atualização: 22/08/2019

  
 
Última atualização: 24/06/2020

Comunicado do GGBS: reajuste de 7,35% para o Plano de Saúde Unimed 2020

Assim como acontece anualmente, maio é o mês de reajuste do contrato de assistência médica complementar do plano de saúde que a Unicamp, através do GGBS, mantém com a Unimed.

O plano vigente é do tipo empresarial com adesão espontânea dos beneficiários, de abrangência nacional, com mensalidade por faixa etária, sem coparticipação ou qualquer custo adicional para o usuário. Neste tipo de plano, o índice de reajuste é definido por cláusula contratual, sem interferência da Agência Nacional de Saúde (ANS).

Esse modelo de plano adotado exige por parte dos usuários uma conscientização de que a utilização abusiva aumenta a sinistralidade, que é o índice de maior peso no reajuste da mensalidade com a operadora. A sinistralidade é um indicador importante dos contratos de assistência médica e é a relação entre os gastos efetivos e a receita gerada pelo contrato. O limite contratual da sinistralidade em nosso plano é de 88%. Nos últimos anos observa-se um aumento considerável na utilização do plano de saúde pelos beneficiários, com aumento progressivo na média de gasto per capita. Tal comportamento se reflete em taxas de sinistralidade progressivamente maiores, atualmente de 102,29% (período de maio de 2019 a abril de 2020). Isto significa que o conjunto de beneficiários gasta mais recursos do que o disponível contratualmente, resultando em desequilíbrio financeiro, com risco à sustentabilidade do contrato.
Para conhecimento, conforme disposição contratual, o reajuste anual é definido pela seguinte fórmula:

{[(C/R) / lp-1] *100} +IPCA

Onde:    
C= Custos acrescido das despesas administrativas e tributárias, apurados num período de 12 meses.
R= Receita apurada num período de 12 meses.
lp= Índice Padrão de sinistralidade (0,88)
IPCA - Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IBGE)

A tabela abaixo mostra o resultado das negociações dos últimos cinco anos:

Data
 Base
Sinistralidade
nos 12 meses anteriores (%)
Reajuste 
pela fórmula contratual (%)
Reajuste negociado/acordado (%) Reajuste aprovado pela ANS para planos individuais/pessoa física
2020 102,29 26,78 7,35 (*)
2019 107,24 25,26 9,5 7,35
2018 96,34 12,33 7,98 10
2017 95,43 20,44 9 13,55
2016 96,3 19,4 14,5 13,57
2015 88,46 9,60 6,80 13,55
(*) Ainda não divulgado pela ANS


Mantemos médias de consultas e exames/ano por usuário bem acima daquelas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (4,0 e 10,0, respectivamente). Na negociação deste ano foi acordado entre as partes alguns protocolos de intensões para acompanhamento e gestão do plano junto à operadora, na tentativa de redução do desequilíbrio financeiro do contrato e da sinistralidade. Mantida a elevação progressiva da sinistralidade, talvez sejam necessárias medidas austeras de controle, que serão previamente informadas aos beneficiários.

Os novos valores (acrescidos do reajuste de 7,35%) serão aplicados à partir de maio/2020. Abaixo seguem a tabela vigente e a nova tabela com o reajuste.

TABELA ANTERIOR -  ATÉ MAIO 2020
Faixas Etárias
Coletivo (R$)
Privativo (R$)
0 a 18
157,23
240,58
19 a 23
182,42
279,12
24 a 28
212,29
324,79
29 a 33
250,05
382,58
34 a 38
297,19
454,72
39 a 43
338,09
517,27
44 a 48
385,25
589,44
49 a 53
454,44
695,31
54 a 58
550,40
842,09
a partir de 59
941,96
1.441,20
 
TABELA VIGENTE, COM REAJUSTE DE 7,35%
Faixas Etárias
Coletivo (RS)
Privativo (R$)
0 a 18
168,79
258,26
19 a 23
195,83
299,64
24 a 28
227,89
348,66
29 a 33
268,43
410,70
34 a 38
319,03
488,14
39 a 43
362,94
555,29
44 a 48
413,57
632,76
49 a 53
487,84
746,42
54 a 58
590,85
903,98
a partir de 59
1.011,19
1.547,13


Temos total consciência da atual conjuntura econômica externa e interna à universidade, e diante desse cenário de grave restrição orçamentária que vivemos, conseguimos por meio de uma intensa rodada de negociação, manter as condições contratuais presentes e aplicar um índice menor que o solicitado pela operadora e baseado na disposição contratual.

IMPORTANTE: Considerando que a data do reajuste do contrato é no mês de maio, e que não foi possível efetivar a negociação do reajuste das mensalidades do plano em maio, o reajuste será aplicado na folha de junho, sendo que a diferença relativa à folha de maio será parcelada em duas vezes nos vencimentos junho e julho/20.
 

 
Última atualização: 22/08/2019

Comunicado do GGBS: reajuste de 9,5% para o Plano de Saúde Unimed 2019
 
Assim como acontece anualmente, maio é o mês de reajuste do contrato de assistência médica complementar do plano de saúde que a Unicamp, através do GGBS, mantém com a Unimed.

O plano vigente é do tipo empresarial com adesão espontânea dos beneficiários, de abrangência nacional, com mensalidade por faixa etária, sem coparticipação ou qualquer custo adicional para o usuário. Neste tipo de plano, o índice de reajuste é definido por cláusula contratual, sem interferência da Agência Nacional de Saúde (ANS).

Esse modelo de plano adotado exige por parte dos usuários uma conscientização de que a utilização abusiva aumenta a sinistralidade, que é o índice de maior peso no reajuste da mensalidade com a operadora. A sinistralidade é um indicador importante dos contratos de assistência médica e é a relação entre os gastos efetivos e a receita gerada pelo contrato. O limite contratual da sinistralidade em nosso plano é de 88%. Nos últimos anos observa-se um aumento considerável na utilização do plano de saúde pelos beneficiários, com aumento progressivo na média de gasto per capita. Tal comportamento se reflete em taxas de sinistralidade progressivamente maiores, atualmente de 107,24% (período de abril de 2018 a março de 2019). Isto significa que o conjunto de beneficiários gasta mais recursos do que o disponível contratualmente, resultando em desequilíbrio financeiro, com risco à sustentabilidade do contrato.

Para conhecimento, conforme disposição contratual, o reajuste anual é definido pela seguinte fórmula:
{[(C/R) / lp-1] *100} +IPCA

Onde:    
C= Custos acrescido das despesas administrativas e tributárias, apurados num período de 12 meses.
R= Receita apurada num período de 12 meses.
lp= Índice Padrão de sinistralidade (0,88)
IPCA - Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IBGE)

A tabela abaixo mostra o resultado das negociações dos últimos cinco anos:

 

Data
 Base
Sinistralidade
nos 12 meses anteriores
Reajuste 
pela fórmula contratual
Reajuste negociado/acordado Reajuste aprovado pela ANS para planos individuais/pessoa física
2019 107,24% 25,26% 9,5% (*)
2018 96,34% 12,33% 7,98% 10%
2017 95,43% 20,44% 9% 13,55%
2016 96,3% 19,4% 14,5% 13,57%
2015 88,46% 9,60% 6,80% 13,55%
2014 91,37% 9,52% 5,60% 9,65%
(*) Ainda não divulgado pela ANS
 

Mantemos médias de consultas e exames/ano por usuário bem acima daquelas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (4,0 e 10,0, respectivamente). Na negociação deste ano foi acordado entre as partes alguns protocolos de intensões para acompanhamento e gestão do plano junto à operadora, na tentativa de redução do desequilíbrio financeiro do contrato e da sinistralidade. Mantida a elevação progressiva da sinistralidade, talvez sejam necessárias medidas austeras de controle, que serão previamente informadas aos beneficiários.
Os novos valores (acrescidos do reajuste de 9,5%) serão aplicados na folha de maio/2019, a ser paga no início de junho/2019. Abaixo seguem a tabela vigente e a nova tabela com o reajuste.

 

TABELA ANTERIOR -  ATÉ MAIO 2019
Faixas Etárias
Coletivo (R$)
Privativo (R$)
0 a 18
143.59
219,71
19 a 23
166,59
254,90
24 a 28
193,87
296,61
29 a 33
228,36
349,39
34 a 38
271,41
415,27
39 a 43
308,76
472,39
44 a 48
351,83
538,30
49 a 53
415,01
634,99
54 a 58
502,65
769,03
a partir de 59
860,24
1.316,16
 
TABELA VIGENTE, COM REAJUSTE DE 9.5%
Faixas Etárias
Coletivo (RS)
Privativo (R$)
0 a 18
157,23
240,58
19 a 23
182,42
279,12
24 a 28
212,29
324,79
29 a 33
250,05
382,58
34 a 38
297,19
454,72
39 a 43
338,09
517,27
44 a 48
385,25
589,44
49 a 53
454,44
695,31
54 a 58
550,4
842,09
a partir de 59
941,96
1.441,20

 

Temos total consciência da atual conjuntura econômica externa e interna à universidade, e diante desse cenário de grave restrição orçamentária que vivemos, conseguimos por meio de uma intensa rodada de negociação, manter as condições contratuais presentes e aplicar um índice menor que o solicitado pela operadora e baseado na disposição contratual.

 
Última atualização: 22/08/2019

Assim como acontece anualmente, maio é o mês de reajuste do nosso contrato de assistência médica complementar do plano de saúde por faixa etária que a Unicamp, através do GGBS, mantém com a Unimed.

É importante lembrar que o modelo do plano vigente é o de mensalidade por faixa etária, sem coparticipação ou qualquer custo adicional para o usuário. Esse modelo de plano adotado exige da parte dos usuários uma conscientização de que a má utilização causa aumento da sinistralidade, que é fator decisivo durante o processo de negociação do reajuste da mensalidade com a operadora. Sinistralidade é um indicador dos contratos de assistência médica e é a relação entre os custos da assistência médica hospitalar e a receita que a operadora tem para um determinado contrato. O limite técnico da sinistralidade previsto em contrato para esse plano é de 88% e estamos com 96,38% (mar/2017 a fev/2018). Continuamos com médias de consultas e exames/ano por usuário bem acima daquelas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (4,0 e 10,0, respectivamente). Sobre essas particularidades, a nova gestão do GGBS conta com uma equipe de acompanhamento e gestão dos planos de saúde, que está atuando de modo preventivo, com vistas à diminuição da sinistralidade do plano.

A tabela abaixo mostra o resultado das negociações dos últimos cinco anos para esse Plano Unimed:


 

Data
 Base

Sinistralidade
do plano no período

Reajuste Pessoa Física aprovado pela ANS para planos individuais

Reajuste 
Solicitado pela Unimed

Reajuste acordado

2018

96,34%

(*)

12,33%

7,98%

2017

95,43%

13,55%

20,44%

9%

2016

96,3%

13,57%

19,4%

14,5%

2015

88,46%

13,55%

9,60%

6,80%

2014

91,37%

9,65%

9,52%

5,60%

2013

111,21%

9,04%

32,70%

13,90%

(*) Ainda não divulgado pela ANS



Os novos valores (acrescidos do reajuste de 7,98%) serão aplicados na folha de maio/2018, a ser paga no início de junho/2018. Abaixo segue as tabelas com valores aplicados atualmente e com os novos valores reajustados.

 

Faixas Etárias

Coletivo

Privativo

0 a 18

RS 132,98

R$ 203,47

19 a 23

RS 154,28

RS 236,06

24 a 28

RS 179,54

R$ 274,69

29 a 33

RS 211,48

R$ 323,57

34 a 38

RS 251,35

RS 384,58

39 a 43

RS 285,94

R$ 437,48

44 a 48

RS 325,83

R$ 498,52

49 a 53

RS 38434

RS 588,06

54 a 58

RS 465,50

RS 712,20

a partir de 59

RS 796,67

RS 1.218,89

 

 

Percentual de Reajuste: 7.98%

Faixa Etária

Coletivo (RS)

Privativo (R$)

0 a 18

143,59

219,71

19 a 23

166,59

254,90

24 a 28

193,87

296,61

29 a 33

228,36

349,39

34 a 38

271,41

415,27

39 a 43

308,76

472,39

44 a 48

351,83

538,30

49 a 53

415,01

634,99

54 a 58

502,65

769,03

a partir de 59

860,24

1.316,16



Temos total consciência da atual conjuntura econômica externa e interna à universidade, e diante desse cenário de grave restrição orçamentária que vivemos, conseguimos por meio de uma intensa rodada de negociação, manter as condições contratuais presentes e aplicar um índice menor que o solicitado pela operadora.

 

 
Última atualização: 22/08/2019

Clientes Unimed Campinas contam com atendimento exclusivo no Pronto Atendimento em Sumaré. A unidade é mais uma opção de atendimento para os casos de urgência e emergência.

- Funcionamento 24h por dia, 7 dias por semana
- Atendimento de urgência e emergência
- Especialidades: clínica médica e cirúrgica, pediatria e ortopedia
- Laboratórios de análises clínicas
- RaioX
- Tomografia

Pronto Atendimento - Sumaré
Rua Fioíavante Mancino, 900 na Chácara Monte Alegre - Estacionamento no local
 
Última atualização: 22/08/2019

Cliente Unimed Campinas tem mais uma opção para urgência e emergência:

Pronto Atendimento Pediátrico do Hospital Renascença

Uma nova alternativa para quem precisa de atendimento de urgência e emergência para as crianças está à disposição 24 horas por dia, sete dias por semana.
O Pronto Atendimento Pediátrico do Hospital Renascença terá capacidade para atender 130 consultas por dia, além de contar com sala de emergência completa, quatro leitos de observação pediátrica, isolamento, sala de inalação, além de laboratório e imagem 24h com tomografia, ultrassonografia, endoscopia, dois leitos de UTI infantil e seis leitos de UTI NeonataL

Pronto Atendimento Pediátrico Hospital Renascença
Avenida Barão de itapura, 1.444 (Em frente ao Instituto Agronômico de Campinas - IAC)
 
Última atualização: 02/07/2020









 
 
Última atualização: 22/08/2019

COMUNICADO GGBS - 31 DE OUTUBRO 2017

ENCERRAMENTO DO PLANO DE SAÚDE UNIMED 481 EM 01/12/2017

Considerando que:
 
  1. O Plano Unimed 481 teve início no ano de 1992, e foi o primeiro plano da Unimed Campinas disponibilizado na forma de adesão, aos funcionários da Unicamp e seus dependentes;
     
  2. Havia um número grande de titulares, a faixa etária dos usuários era razoavelmente bem distribuída, o que mantinha sob controle a sinistralidade (utilização dos serviços do plano) do plano, portanto, as mensalidades eram mantidas em valores suficientes para um rateio das despesas dentro do esperado;
     
  3. O formato do plano é baseado no custo operacional, ou seja, todas as despesas/serviços (internações, consultas, exames, cirurgias, medicamentos, procedimentos...) efetivadas pelos beneficiários do plano são faturadas pela Unimed e seu pagamento é rateado entre os titulares;
     
  4. A apuração do valor a ser cobrado de cada titular é composta pelos valores da Mensalidade, do Fator Moderador e do Fator Equilíbrio;
     
  5. O Fator Equilíbrio é um valor variável, derivado do déficit entre a receita (gerada pela mensalidade e fator moderador) e a despesas. O déficit é dividido entre todos os titulares do plano, gerando o valor do Fator Equilíbrio;
     
  6. Em 2011, com o Plano 481 já apresentando problemas, a Unicamp resolveu disponibilizar, também por adesão, um novo Plano Unimed por Faixa Etária, no formato preço fixo de mensalidade por faixa etária de titulares e dependentes, não havendo fator moderador nemfator equilíbrio;
     
  7. Assim, desde 2011 vem acontecendo a migração dos titulares do plano Unimed 481 para o Plano Unimed Faixa Etária, de forma que a massa de titulares do Unimed 481 vem se reduzindo a cada ano.  De 2011 até setembro/2017, esta redução foi da ordem de 66%.
     
  8. O índice de sinistralidade do Plano Unimed 481 é muito alto, principalmente nos últimos 2 anos, implicando num crescente aumento do Fator Equilíbrio, já que as despesas são rateadas por um número de titulares cada vez menor;
     
  9. O Fator Equilíbrio do mês de referência de setembro/2017 foi de R$2.081,46, gerando muito impacto no salário dos respectivos titulares;
     
  10. Em razão do constante aumento do Fator de Equilíbrio, nos meses de setembro e outubro/2017 houve um grande movimento de “migração” dos titulares do plano Unimed 481 para outros planos, e aproximadamente, 370 titulares e seu respectivos dependentes mudaram para o Plano Unimed Faixa Etária. A partir de novembro/2017 restarão no Plano 481 cerca de 160 titulares apenas, o que provavelmente fará aumentar ainda mais o valor do Fator de Equilíbrio, tornando o plano mais oneroso aos seus poucos beneficiários.
 
O GGBS vem informar que:

Por decisão de comum acordo entre Unicamp e Unimed, o contrato do referido plano de saúde481 estará encerrado a partir de 01/12/2017, por não ser mais viável sua continuidade, frente à reduzida massa de titulares o e alto risco do Fator Equilíbrio ser muito elevado, tornando-o excessivamente oneroso aos seus usuários.

Desta forma, é imperativo que os titulares que ainda permanecem no Plano Unimed 481 se dirijam com a máxima urgência ao GGBS para tratar do encerramento de seu plano e avaliar as opções de planos de saúde disponibilizadas no GGBS, impreterivelmente até 14 de novembro de 2017.

Salientamos que, no caso de ausência de manifestação do interessado, a Unicamp fará de forma compulsóriaa mudança dos usuários remanescentes do plano Unimed 481 para o Unimed Faixa Etária, para que não haja prejuízo de ruptura de assistência médica aos beneficiários na ocasião do encerramento, podendo o beneficiário nesta situação solicitar a qualquer tempo sua exclusão do Plano por Faixa Etária, caso não tenha interesse em nele permanecer.





---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

COMUNICADO GGBS - 4 DE OUTUBRO 2017


O GGBS/Unicamp vem esclarecer a atual situação do Plano Unimed 481 e ressaltar sobre a possibilidade de mudança de plano:
 
  1. O Plano Unimed 481 tem, nesta data, aproximadamente, 552 titulares e 898 dependentes, totalizando 1450 usuários. Como é de conhecimento, a apuração do valor a ser cobrado de cada titular é composta pelos valores da mensalidade, do fator moderador e do fator equilíbrio. O cálculo do fator de equilíbrio tem relação direta com o número de titulares do plano e a quantidade de procedimentos/serviços utilizados pelos usuários no período. Assim, quanto menor o número de titulares e maior o índice de utilização dos serviços do plano, maior será o valor do Fator Equilíbrio e, ao longo dos últimos 2 anos, este foi o comportamento do plano. O Fator Equilíbrio do mês de referência de setembro/17 foi de R$ 2.081,46, conforme divulgado anteriormente.
 
  1. Alertamos que a quantidade de titulares do Plano 481 vem diminuindo e de forma bastante acentuada nos últimos 2 meses, sendo esta a tendência a curto prazo. Portanto, é muito elevado o risco do Fator Equilíbrio continuar aumentando.
 
  1. Já no Plano 328370, conhecido como Plano Novo Unimed, o valor a ser cobrado de cada titular é apurado através da soma dos valores das mensalidades correspondentes à faixa etária do titular e de seus dependentes. Não há fator moderador, nem fator equilíbrio. Este plano tem abrangência maior, pois a abrangência é nacional e possui a mesma cobertura de serviços do Plano 481.
 
  1. Esclarecemos que permanece a possibilidade de mudança de seu Plano 481 para o Plano Novo Unimed, ou seja, exclusão do Plano 481 e adesão do Plano Novo, sem que haja carência, desde que a exclusão e a adesão ocorram dentro de um período de 30 dias. Para informaçõessobre o UNIMED – Plano Novo, inclusive valores das mensalidades e documentação necessária para a adesão, orientamos acessar AQUI.
 
Diante disso, o GGBS solicita aos titulares do UNIMED – Plano 481, que agendem atendimento no GGBS, através dos ramais 14846, 14848 e 14900, para tratar sobre a situação atual de seu plano Unimed 481. É de extrema importância que o atendimento seja realizado até o dia 16/10/2017.



---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

COMUNICADO GGBS - SETEMBRO 2017

O GGBS informa que o valor arrecadado dos usuários do Plano Unimed Antigo (481) continua muito inferior ao valor das despesas do respectivo plano, visto que a sinistralidade (índice de utilização) não diminuiu, ao contrário, vem aumentando. Assim, é imperativo a atualização do valor do Fator de Equilíbrio* para R$ 2.081,46 que já será cobrado em outubro/17.

*Fator Equilíbrio é a diferença entre o valor arrecadado (no desconto em folha) e o valor da fatura mensal da Unimed, que contém o utilizado por todos os participantes do plano, titulares e seus dependentes .


---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

COMUNICADO GGBS - MAIO 2017

Reiterando o conteúdo do comunicado emitido pelo GGBS aos usuários deste plano em janeiro de 2017 (veja abaixo) e considerando que neste período não houve redução significativa da sinistralidade (índice de utilização), informamos que a diferença entre o valor arrecadado dos usuários e as despesas continua negativa.

Dessa forma, é imperativo que se realize nova correção no Fator Equilíbrio, que no mês de junho/2017 será de R$1.393,22.

Reforçamos a necessidade de que a utilização do plano seja adequada aos padrões preconizados pela OMS a fim de garantir a manutenção do convênio.

*Fator Equilíbrio é a diferença entre o valor arrecadado (no desconto em folha) e o valor da fatura mensal da Unimed, que contém o utilizado por todos os participantes do plano, titulares e seus dependentes .



---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


COMUNICADO GGBS - JANEIRO 2017

Considerando o crescente aumento do índice de uso do plano (sinistralidade), plano mais antigo que a Unicamp mantém com a Unimed (custo familiar), o valor arrecadado dos usuários do mesmo não vem cobrindo o valor do total de uso (despesas).

Isso torna inevitável a contínua correção do valor do *Fator Equilíbrio; Neste pagamento próximo a ser pago em fevereiro, o valor do *Fator Equilíbrio, passa de R$870,00 reais para R$ 1.020,00 (Hum mil e vinte reais).

Visando encontrar uma saída  para este quadro, está em curso negociação, junto à Unimed, visando a migração para um plano de custo mais estável. A negociação, que está em fase avançada,vem sendo acompanhada pelo Conselho do GGBS e também pela Comissão de Usuários. 
  
Orientamos os usuários que atentem para o uso racional do plano, dentro do previsto pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e dentro das necessidades rotineiras e emergenciais, observando as seguintes  itens:
  • Deve-se evitar a utilização do Pronto-Socorro para uma simples consulta. O pronto-socorro dos hospitais tem como objetivo atender pacientes em situação de urgência e emergência. 
     
  •  Os atendimentos de urgência são os resultantes de acidentes pessoais decorrentes de causas externas, ocorridos em data específica, de maneira súbita e involuntária e causam lesão física não decorrente de problemas de saúde. Também são considerados atendimentos de urgência as complicações no processo gestacional. 
     
  • Os atendimentos de emergência são os que implicam em risco imediato de vida ou de lesões irreparáveis para o paciente, constatado em declaração do médico assistente. 
     
  • Evitando o pronto-socorro você estará correndo menos riscos de contrair doenças típicas de ambientes hospitalares. 

     
  • Consultas médicas:  
    Caso você tenha algum sintoma, ou em casos de doenças procure o consultório de um médico de sua confiança e siga suas indicações.  Marque consulta corretamente, procure um clínico geral quando você não souber o que tem. Quando o problema já foi identificado, o correto é procurar diretamente um especialista. 
     
  •  Outras dicas para bom uso do plano de saúde: 

    1 - Para o atendimento, o beneficiário deverá estar sempre de posse de seu cartão Unimed, que é numerado, nominativo e intransferível. Sob nenhuma hipótese poderá ser cedido ou emprestado. A utilização por terceiros é considerada fraude. 

    2 - É fundamental que o beneficiário utilize adequadamente seu plano de saúde, consciente de seus direitos e deveres, respeitando e comparecendo  aos  horários previamente marcados junto à rede prestadora de serviços. Caso você não possa comparecer a consulta no dia e hora marcada avise com antecedência seu médico. 

    3 - Exames médicos são importantes a qualquer momento. Portanto, guarde-os sempre, pois um dia você poderá precisar deles. A maioria dos exames não tem data de vencimento, então sempre que for a uma consulta, leve consigo os exames anteriores para auxiliar no diagnóstico do médico. Não faça exames médicos e deixe-os nos laboratórios. 

    5 - Evite mudar de um médico para outro, sem necessidade, pois além de ouvir diagnósticos que poderão confundi-lo, você estará desperdiçando o seu tempo e do médico, elevando também os custos, que contarão nos índices de utilização do seu plano. 

    6 - Evite ir ao consultório médico com vários filhos, a não ser que todos estejam realmente doentes, pois o atendimento de todos gerará consultas adicionais, elevando desnecessariamente os custos do plano, além de estarem expostos a possíveis contaminações. 

    7 - Nunca deixe de ir ao médico se apresentar algum sintoma atípico. A ideia é de que você use o plano de saúde de forma correta praticando medicina preventiva e não curativa. Faça o tratamento adequado indicado pelo médico. 

    8 - Não tome nenhuma medicação sem consultar seu médico. A medicação errada pode trazer graves consequências ao organismo ou até mesmo mascarar doenças.

    E todas as recomendações feitas pelo médico devem ser seguidas à risca. Medicamentos devem ser ingeridos na dose e nos horários certos. 

Fonte: Medicina Preventiva

*Fator Equilíbrio é a diferença entre o valor arrecadado (no desconto em folha) e o valor da fatura mensal da Unimed, que contém o utilizado por todos os participantes do plano, titulares e seus dependentes .

 
 
Última atualização: 11/12/2019

Informações importantes válidas para todos os planos odontológicos
 
  • As adesões somente poderão ser realizadas por servidores ativos, conforme Resolução Normativa DC/ANS Nº279.
  • Carência mínima de permanência no plano é de 1 (um) ano.
  • Para inclusão de dependentes é necessário cadastro do CPF na DGRH. 

Mais informações na Central de Atendimento do GGBS (ramais 14848 / 14900)
 
Última atualização: 04/08/2020

Valor da Adesão: R$11,25 por pessoa  ( a adesão deverá ser feita em um posto de atendimento do GGBS)

Informações: Rede Credenciada Campinas e Região / Tabela de procedimentos odontológicos 

Na qualidade de Beneficiários Dependentes, as seguintes pessoas naturais com grau de parentesco ou afinidade e dependência econômica em relação ao Beneficiário Titular:
a) O cônjuge;
b) O(a) companheiro(a), havendo união estável, na forma da lei, sem eventual concorrência com o cônjuge;
c) Os filhos, adotivos ou não, e enteados solteiros até 21 anos incompletos;
d) Os filhos, adotivos ou não, e enteados solteiros com idade superior a 21 anos até 24 anos incompletos, desde que comprovadamente estudantes universitários, considerando para tal os regularmente matriculados e que estejam frequentando instituição de ensino superior
e) Serão aceitos como AGREGADOS o grupo familiar consanguíneo até o 3º grau: Pai/Mãe, Filho/Filha (solteiros, sem limite de idade), Menor sob Guarda, Irmão/Irmã (menores de 21 anos), Avó/Avô (Paterno/Materno), Neto/Neta,Bisavô/Bisavó (Paterno/Materno), Tio/Tia (Paterno/Materno), Sobrinho/Sobrinha, Bisneto/Bisneta, e o grupo familiar por afinidade até o 2º grau: Sogro/Sogra, Genro/Nora, Menor sob Guarda do Cônjuge, Enteado/Enteada/Trineta (solteiros, sem limite de idade), Padrasto/Madrasta do Associado, Avô/Avó do Cônjuge (Paterno/Materno), Cunhado/Cunhada, Neto/Neta do Cônjuge. 
               
A adesão dos Beneficiários Dependentes fica condicionada à participação do Titular.

 


Primeira Adesão: (antes de realizar a adesão, verifique sua margem consignável)
Para o titular: Fornecer o Nº do SUS e trazer cópia dos seguintes documentos: RG, CPF, comprovante de endereço com CEP.

Inclusão de dependente(s):
Atenção: é obrigatório que o dependente com seu respectivo CPF esteja devidamente cadastrado na DGRH. Fornecer o número do SUS e trazer cópia dos seguintes documentos, conforme segue:

  • Cônjuge: Cópia do RG e CPF; Cópia da Certidão de Casamento;
  • Companheira(o): Cópia do RG e CPF e Cópia da certidão de União Estável Publica ou Certidão de Nascimento de filhos em comum.;
  • Filhos: Cópia do RG e CPF; Cópia da Certidão de Nascimento (no caso de filhos (as) maiores de 21 anos, apresentar Declaração emitida pela instituição universitária, comprovando que é estudante universitário, onde a cobertura do plano estende até os 24 anos);
  • Tutelados: Cópia do RG e CPF; Termo de tutela (definitiva);
  • Demais agregados: documento que comprove o vínculo com o titular: RG ou certidão de nascimento.

    2ª via de Carteirinha):
    Não gera custos adicionais
 

Clique aqui
Obs.: arquivo no formato PDF 

Quaisquer dúvidas, entre em contado com um dos postos de atendimento do GGBS.


Contato da São Francisco: site / Acesso à área do cliente 
 
Última atualização: 11/02/2020

 
 
Última atualização: 11/02/2020

Pensando na modernidade, praticidade, tecnologia e sustentabilidade, não serão mais emitidas as vias físicas das carteirinhas.   
 
A partir de 01/03/2020 os beneficiários passarão a utilizar o benefício apenas com a apresentação do CPF e documento com foto. Porém, a carteirinha digital estará disponível através do aplicativo “São Francisco Clientes” para a consulta dos colaboradores.



GUIA “RÁPIDO” PARA USO APP CELULAR – SF0DONTO

Objetivo: Tornar o beneficiário SFO, independente quanto ao uso da carteirinha física, pois com o APP SFO em seu celular vc terá sua carteirinha e de possíveis dependentes, como também de toda a rede credenciada atualizada:

Etapas:

1º - Entrar na loja de Aplicativos do seu celular: Androide (Google Play) e Iphone (App Store)

2º - Buscar o aplicativo “Sao Francisco Cliente”, clicar e iniciar um pequeno cadastro.

3º - Após o cadastro, clicar no desenho da carteirinha, então surgirá uma mensagem pedindo para  você
virar o celular, pois a carteirinha só é visível com o celular na horizontal.

4º - Aparecerá a parte da frente da sua carteirinha, para virar e verificar os seus dados, basta clicar no ícone de giro que aparecerá dentro da tela no canto esquerdo e abaixo.

5º - Pronto, você está conectado com a São Francisco Odonto, uma das maiores operadoras de planos médicos e odontológicos do Brasil. Onde tiver SFO, você poderá ser atendido.


Resultado de imagem para Sao Francisco Cliente
 
Última atualização: 26/09/2019


Já está disponível nos sistemas operacionais iOS e Android para smartphones e tablets, o aplicativo Uniodonto Campinas. A facilidade digital pode ser baixada pelos beneficiários a qualquer tempo. Uma vez instalado no celular, permite fazer a busca por dentistas cooperados, conferir dicas de saúde bucal, além de dar acesso ao cartão virtual Uniodonto, que substitui o cartão físico apresentado para consultas e tratamentos. Além disso, o aplicativo possibilita descontos especiais em medicamentos e produtos de higiene pessoal comercializados pelas Drogarias São Paulo e Pacheco. A rede DPSP é nacional e possui um grande número de unidades espalhadas pelo Brasil. Só em Campinas são 20 lojas.

 

Valor da adesão: R$ R$ 18,20 por pessoa
Atendimento – 0800-165555 - site / Apresentação / panfleto com informações
 


Podem ser inscritos como Beneficiários Dependentes as pessoas que façam parte do grupo familiar do Beneficiário Titular, assim entendidos:
a) O cônjuge;
b) O convivente, sem eventual concorrência com o cônjuge, salvo por decisão judicial;
c) Os filhos;
d) Os enteados;
e) O menor sob a guarda por força de decisão judicial e o tutelado;
f) os netos e bisnetos;
g) Os irmãos
h) Os pais, os avós e os bisavós;
i) os tios e os sobrinhos;
j) os sogros;
k) os genros e as noras;
l) os cunhados;
m) os padrastos e as madrastas.

 

Primeira Adesão: (antes de realizar a adesão, verifique sua margem consignável)
Fornecer o Nº do SUS e trazer cópia dos seguintes documentos: RG, CPF e comprovante de endereço com CEP (Obs.: caso o titular for inserir dependente, fornecer o número do SUS e trazer os mesmos documentos para cada dependente)

Inclusão de dependente(s):
Atenção: Obrigatório o cadastro do dependente e do CPF junto à DGRH
- Fornecer o número do SUS e trazer cópia dos seguintes documentos: RG e CPF

Segunda via da carteirinha:
Sem apresentação de Boletim de Ocorrência (B.O.): fazer depósito de R$10,00 (Dez reais) -  Banco do Brasil - agência 4203-x - Conta corrente 44243-7
Com apresentação de Boletim de Ocorrência (B.O.): Isento da taxa

 

Clique aqui
Obs.: arquivo no formato PDF

Quaisquer dúvidas, entre em contato com um dos postos de atendimento do GGBS 

 
Última atualização: 04/02/2016

  • Capemi
    Telefone: 11 4009-8600 / Desconto em folha: sim 
     
  • Federal
    Telefone: 11 3107-9006 / Desconto em folha: sim 
     
  • Mongeral
    Telefone: 11 3188-4900 / Desconto em folha: sim 
     
  • Vida
    Telefone: 19 3212-3001 / Desconto em folha: sim 
     
  • USPEP
    Telefone: 11 3106-0078 / Desconto em folha: sim
     
  • Vila Velha Corretora
    Telefone: 11 3226-9600 / Desconto em folha: não 
    Descontos especiais para funcionários e docentes. Na compra de seguro de vida,de carro, residência ou previdência privada receba gratuitamente o Cartão de Fidelização Card 24 horas - Rede Sweet Home
    Praça dos Manacas 62 - Centro Comercial Alphaville - Alphaville - Barueri- SP - www.vilavelhaseguros.com.br
     
  • Borgia Corretora
    Telefone: 19 3213-2633 / Corretor: Sr. Luiz- Fone: 9173-2185 / Desconto em folha: não
    Preços promocionais. Pesquisa de mercado com as maiores companhias de seguros.garantindo o melhor preço.
    Av. Antonio Carvalho de Miranda, 606 - Jardim Miranda - Campinas - SP - e-mail: borgiaseguros[@]uol.com.br
     
  • Freitas & Braga Corretora
    Telefone: 19 3212-1387 / Desconto em folha: não
    Condições e Descontos Especiais para funcionários e docentes da Unicamp
    Av Heitor Penteado, 916 - Jd. Nossa Senhora Auxiliadora - Campinas- SP - e-mail: freitasbraga[@]freitasbraga.com.br
     
  • Itaú Seguros
    Telefone: 19 3235-3737 / Desconto em folha: não
    Desconto especial no seguro de automóvel, para funcionários e dependentes de 10 à 20%
    Av. Anchieta, 1032 - Centro - Campinas - SP / e-mail: corretoragiovanibruno[@]com.br 
 
Última atualização: 09/03/2016

COMPARTILHAR

A partir de janeiro de 2016, os beneficiários de planos de saúde individuais e coletivos terão direito a mais 21 procedimentos, incluindo exames laboratoriais, além de mais um medicamento oral para tratamento de câncer em casa e ampliação do número de consultas com fonoaudiólogo, nutricionistas, fisioterapeutas e psicoterapeutas.

A medida é resultado do processo de revisão periódica do Rol de Procedimentos e Eventos em Saúde, que contou com reuniões do Comitê Permanente de Regulação da Atenção à Saúde (COSAÚDE) e de consulta pública realizada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e vai beneficiar 50,3 milhões de consumidores em planos de assistência médica e outros 21,9 milhões de beneficiários com planos exclusivamente odontológicos. 

Entre as novidades do novo Rol de Procedimentos estão: o implante de Monitor de Eventos (Looper) utilizado pra diagnosticar perda da consciência por causas indeterminadas; implante de cardiodesfibrilador multissítio, que ajuda a prevenir morte súbita; implante de prótese auditiva ancorada no osso para o tratamento das deficiências auditivas; e a inclusão do Enzalutamida medicamento oral para tratamento do câncer de próstata, entre outros procedimentos.

Para o diretor-presidente da ANS, José Carlos de Souza Abrahão, umas das vertentes da sustentabilidade no setor de saúde suplementar é o braço assistencial. “A saúde é um processo em franca evolução. Temos sempre novas tecnologias em constante avaliação. Por isso, a inclusão de novos procedimentos no Rol da ANS é uma conquista da sociedade. Esse Rol é estudado, acompanhado e revisado a cada dois anos”, disse Abrahão.
 




Confira a lista completa dos novos procedimentos


 

1

PLÁSTICA DE CONJUNTIVA PARA PTERÍGIO, TUMORES OU TRAUMAS

Cirurgia complementar a cirurgia de remoção do pterígeo para diminuição de recidiva (retorno da enfermidade), além de seu útil outras desordens oculares.

Tipo de cirurgia

2

IMPLANTE INTRAVÍTREO DE POLÍMERO FARMACOLÓGICO DE LIBERAÇÃO CONTROLADA

Implante de polímero para pacientes com uveite crônica não infecciosa intermediaria ou posterior, edema macular nas oclusões venosas de ramo e central e edema macular diabético.

Terapêutica ocular

3

PANTOFOTOCOAGULAÇÃO Á LASER NA RETINOPATIA DA PREMATURIDADE.

Tratamento a laser na retinopatia da prematuridade.

Tipo de cirurgia

4

TERMOTERAPIA TRANSPUPILAR A LASER (COM DIRETRIZ DE UTILIZAÇÃO)

Técnica a laser que utiliza radiação infravermelha como fonte de calor para tratar certos tumores oculares, como o melanoma de coróide.

Tipo de cirurgia

5

PRÓTESE AUDITIVA ANCORADA EM OSSO (COM DIRETRIZ DE UTILIZAÇÃO)

Prótese vibratória auditiva fixada por um pino de titânico ao osso mastoideo que capta o som do ambiente e a transforma em vibração que se propaga pelo osso da caixa craniana estimulando a cóclea diretamente. É um dos recursos tecnológicos para o tratamento das deficiências auditivas condutivas ou mistas e para perda auditiva.

Terapêutica anti-surdez

6

IMPLANTE DE CARDIODESFIBRILADOR MULTISSÍTIO – TRC-D (GERADOR E ELETRODOS) – COM DIRETRIZ DE UTILIZAÇÃO

Dispositivo de terapia de ressincronização cardíaca com função de desfibrilação projetado para tratar insuficiência cardíaca, ajustando os batimentos cardíacos e com capacidade de se detectar e tratar ritmos cardíacos perigosamente rápidos.

Cirurgia cardíaca

7

IMPLANTE DE MONITOR DE EVENTOS (LOOPER IMPLANTÁVEL) - COM DIRETRIZ DE UTILIZAÇÃO

O sistema é composto por um equipamento implantado abaixo da pele que é acionado pelo paciente durante os sintomas para diagnóstico diferencial de palpitações, perdas de consciência (síncopes), dor no peito e outros sintomas cardiovasculares paroxísticos de origem não esclarecida.

Monitoramento cardíaco

8

FOCALIZAÇÃO ISOELÉTRICA DA TRANSFERRINA

Consiste em teste, pelo método de isoeletrofocalização, para detecção de todos os subtipos de defeitos congênitos da glicosilação tipo 1. O agravo é decorrente da deficiência, ou ausência, de carboidratos, secundária à secreção de glicoproteínas, especialmente transferrina sérica, devido à atividade enzimática anormal da fosfomanomutase. Exame de genética.

Tipo de exame

9

VITAMINA E, PESQUISA E/OU DOSAGEM (COM DIRETRIZ DE UTILIZAÇÃO)

Pesquisa e/ou dosagem da vitamina E para pacientes com ataxia cerebelar (incoordenação dos movimentos causada por uma perda da função do cerebelo).

Tipo de exame

10

C4D FRAGMENTO

Exame de Pesquisa de C4d em amostras de biópsia de rim transplantado para diagnóstico de rejeição induzida por anticorpos.

Tipo de exame

11

N-RAS (COM DIRETRIZ DE UTILIZAÇÃO)

Exame de mutação do gene N-RAS para os pacientes que tenham que utilizar medicação em que conste em bula a análise de presença/mutação dos genes para o início de tratamento.

Tipo de exame

12

LASERTERAPIA PARA O TRATAMENTO DA MUCOSITE ORAL/OROFARINGE

Terapia a laser da inflamação da mucosa. A mucosite é uma inflamação da parte interna da boca e da garganta que pode levar a úlceras dolorosas e feridas nessas regiões. Caracteriza-se por atrofia do epitélio escamoso, lesão vascular, infiltração inflamatória e ulceração. Geralmente ocorre no revestimento mucoso da boca devido aos irritantes químicos, quimioterapia ou radioterapia.

Terapêutica a laser

13

TRATAMENTO DA HIPERATIVIDADE VESICAL: INJEÇÃO INTRAVESICAL DE TOXINA BUTOLÍNICA

Aplicação de toxina botulínica no tratamento da urgência miccional com incontinência urinária e aumento do número de micções e nictúria (necessidade frequente de urinar durante o dia, noite, ou ambos). É sintoma de hiperativação do músculo detrusor da bexiga urinária que contrai anormalmente com alta frequência e urgência.

Terapêutica farmacológica

14

ORQUIDOPEXIA LAPAROSCÓPICA

Procedimento cirúrgico em que um testículo não descido é suturado dentro do escroto em lactentes e crianças do sexo masculino para corrigir o criptorquidismo. A orquidopexia também é feita para tratar a torção testicular em adultos e adolescentes.

Cirurgias por vídeo

15

ANTICORPOS ANTI PEPTÍDEO CÍCLICO CITRULINADO - IGG (ANTI CCP)

Exame laboratorial de sangue utilizado para auxílio diagnóstico de artrite reumatoide. A citrulina (Cyclic Citrullated Peptide) é um aminoácido resultante de modificação da arginina. Anticorpos dirigidos contra a citrulina (anti-CCP) são encontrados em pacientes com artrite reumatoide.

Tipo de exame

16

ANTÍGENO NS1 DO VÍRUS DA DENGUE, PESQUISA

Exame laboratorial de sangue utilizado para auxílio diagnóstico de dengue. Na dengue, muitas vezes o diagnóstico sorológico não é capaz de confirmar casos suspeitos com evolução grave, já que a febre hemorrágica pode ocorrer na janela imunológica, quando

as pesquisas de IgM e IgG são negativas. Nesses casos, a pesquisa do antígeno NS1 apresenta sua melhor utilidade, permitindo o diagnóstico nos primeiros cinco dias de doença.

Tipo de exame

17

CHIKUNGUNYA, ANTICORPOS

Exame laboratorial de sangue utilizado para auxílio diagnóstico da febre Chikungunya, que é uma doença viral parecida com a dengue.

Tipo de exame

18

DENGUE, ANTICORPOS IGG, SORO (TESTE RÁPIDO)

Exame laboratorial de sangue, do tipo rápido, utilizado para auxílio diagnóstico de dengue.

Tipo de exame

19

DENGUE, ANTICORPOS IGM, SORO (TESTE RÁPIDO)

Exame laboratorial de sangue, do tipo rápido, utilizado para auxílio diagnóstico de dengue.

Tipo de exame

20

ENTAMOEBA HISTOLYTICA, ANTICORPOS IGM - PESQUISA E/OU DOSAGEM (AMEBÍASE)

Exame laboratorial de sangue para auxílio diagnóstico da amebíase. A infecção pela “Entamoeba Histolytica” pode ser assintomática, causar doença invasiva intestinal ou doença extra intestinal. O teste, por exemplo, é útil na distinção entre abscessos hepáticos amebianos e piogênicos.

Tipo de exame

21

HLA B27, FENOTIPAGEM

Alguns antígenos HLA estão relacionados à presença de determinadas doenças. A associação mais frequente é a das espondiloartropatias inflamatórias, como a espondilite anquilosante, com o antígeno HLA-B27. A pesquisa também é indicada para identificar risco do acometimento de descendentes. Elevada incidência do antígeno HLA B27 tem sido relatada na síndrome de Reiter, uveíte anterior, artrite reativa e artrite psoriática. Este antígeno não é um marcador da doença, uma vez que está presente em aproximadamente 10% dos indivíduos normais. O resultado deve ser associado aos achados clínicos e radiológico sugestivos destas doenças.

Tipo de exame



Fonte original da matéria: http://www.ans.gov.br/aans/noticias-ans/sobre-a-ans/3035-usuarios-terao-21-novos-procedimentos-cobertos-por-planos-de-saude

 
 

COMENTÁRIOS DEIXE SEU COMENTÁRIO

 

Última atualização: 21/03/2019

ATENÇÃO: as informações abaixo são apenas para ciência dos funcionários públicos, lotados na Unicamp. O GGBS não emite carteirinha ou qualquer outro tipo de documento referente ao IAMSPE. Para mais informações, acesse o endereço abaixo:
http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/parceria-entre-iamspe-portuguesa/


Informações sobre  a parceria IAMSPE / HOSPITAL BENEFICÊNCIA PORTUGUESA  
 
“PRONTO ATENDIMENTO e PRONTO SOCORRO (24 horas)
Especialidades atendidas no PA ou PS
  • Clínica Médica
  • Cirurgia torácica
  • Neurologia (clínica e cirúrgica)
  • Cardiologia clínica
  • Vascular (clínica e cirúrgica)
  • Cirurgia geral
  • Urologia
  • Ortopedia
  • Hematologia
  • Gastroenterologia
 
IMPORTANTE: o  usuário será atendido PRIMEIRAMENTE  pelo  CLÍNICO GERAL, e se for o caso, ele encaminhará o paciente para um especialista. Assim será para todas as especialidades.”


Endereço: Av. José Araújo Cunha, Nº 678 - Vila Brandina - Campinas / SP. (Próximo ao Shopping Iguatemi , atrás do Colégio Integral). 

Horário : Das 07 às 16 horas  

Telefones: 19-3255-2556 / 19-3251-8139