SERVIÇO SOCIAL

Última atualização: 14/01/2016

Objetivo
Atender o funcionário ou familiar analisando a problemática apresentada, visando conhecer melhor sua realidade, possibilitando diagnóstico social.

Ações
- Entrevista individual ou familiar; com análise de documentação e questionário sócio-econômico; 
- Visita domiciliar; 
- Orientações e encaminhamentos para rede (Centro de Saúde, Conselhos Gestores de Direitos, etc); 
- Mediação de acordos financeiros; 
- Benefícios Eventuais; 
- Oferecer informações sobre as políticas públicas oferecidas pelo Estado; 
- Orientar a família quanto a direitos e procedimentos na ocorrência de óbito. 

Como solicitar o serviço?
- Procura espontânea do funcionário; 
- Encaminhamentos de chefias; 
- Encaminhamentos de outros serviços; 
- Para agendamento, contatar secretaria no telefone 3521-4859. 

Documentação necessária para o atendimento:
Cópias de: 
- CIC e RG; 
- Extrato Bancário dos últimos 30 dias, para orientação orçamentária; 
- Holerite atual; 
- Carteira de trabalho de todos membros da família (empregados ou desempregados); 
- Comprovantes de despesas (água, luz, medicamentos, aluguel, prestação diversas, etc); 
- No caso de doença na família, laudo ou declaração médica.


Para mais informações, entre em contato com o Serviço Social através dos telefones: (19) 3521-4856 a 3521-4859

 
Última atualização: 14/04/2016

Trata-se de um evento que tem a finalidade de oportunizar espaços de ampliação do conhecimento sobre direitos sociais e informação de utilidade pública, através de palestras, colóquios, etc. As atividades do Espaço Cidadão são realizadas periodicamente e amplamente divulgadas para a comunidade. 

Confira os eventos anteriores
 
Última atualização: 14/01/2016

Objetivo
Proporcionar um acolhimento imediato aos funcionários em suas dificuldades sociais emergenciais.

Ações
- Orientar, informar e propor soluções;
- Encaminhar para outros serviços internos e rede de apoio;
- Assistir com benefícios eventuais, mediante avaliação social.

Como solicitar o serviço ?
- Procura expontânea do funcionário 
- Encaminhamento de chefias 
- Encaminhamento de outros serviços 

Documentações solicitadas para o Plantão Social:
- Documentos que comprovem a situação apresentada; 
- Holerite atual; 
- Extrato bancário de trinta dias, para orientação orçamentária.


Para mais informações, entre em contato com o Serviço Social pelos telefones: (19) 3521-4856 a 3521-4859

 
Última atualização: 14/01/2016


 

Este Programa (PADQ) é voltado aos funcionários da Universidade (Unicamp/Funcamp) que são usuários abusivos e compulsivos de substâncias psicoativas e/ou convive com algum membro da família que faz uso dessas substâncias.


Conheça as ações do Programa desenvolvidas pelo GGBS


Objetivo Geral

  • Proporcionar condições de tratamento aos funcionários que fazem uso abusivo e compulsivo de substâncias psicoativas.

 

Público alvo

  • Funcionários UNICAMP/FUNCAMP e apoio aos familiares

 

O que o programa oferece?

  • Intermediação da internação dos funcionários da Universidade em clínicas parceiras que comparecerem com prescrição médica de internação.
     
  • Orientações e encaminhamentos aos funcionários com familiares dependentes químicos para tratamento em serviços externos (ProgramaRecomeço, CAPS e outros).
     
  • Oferecer suporte à família no enfrentamento das questões cotidianas, referente ao uso abusivo e compulsivo de substâncias psicoativas.

 

Critérios de adesão ao Programa

  • Adesão ao tratamento deve ser voluntária;
     
  • Funcionário deverá estar acompanhado de um familiar e ou/responsável;
     
  • Ter prescrição médicado CECOM / ASPA – HC e/ou convênios médicos;
     
  • A intermediação do tratamento será nas clínicas parceiras;
     
  • O apoio financeiro ao tratamento será mediante avaliação sócio econômica.

    Obs.: Não haverá apoio financeiro nas internações ocorridas fora deste contexto.
 
Última atualização: 11/12/2019


 

O Projeto Familiarizando é voltado à família, propicia acolhimento individual e ou/grupo, auxiliando-as em suas dificuldades sobre como lidar com a questão da Dependência Química; amplia sua rede de apoio, o seu fortalecimento, oferecendo subsídios necessários no sentido de habilitá-la a conviver adequadamente com a doença do familiar e tambémcuidar da doença já instalada em si mesma, ou seja, a codependência.

 

Objetivo:

  • Propiciar informações à família sobre as questões sociais, psicológicas e a codependência, visando à autonomia de sua vida e o enfrentamento junto à doença do dependente químico.

 

Público alvo:

  • Família de funcionários atendidos no Programa de Atenção a Dependência Química, ou funcionários que tem adictos em seu núcleo familiar.


 

O que o programa oferece?


 

  • Módulo I
    • Acolhimentos individuais realizados através de cinco encontros temáticos com entrevista semiestruturada, recursos didático-metodológicos com objetivo de ampliar o conhecimento da família frente à doença da dependência química.
       
    • A realização dos encontros com familiares independe da internação do familiar acometido pela doença.
       

 

  • Módulo II
    • Atendimentos em grupo com a realização de 07 (sete) encontros uma vez ao mês, com a proposta de reforçar os conhecimentos adquiridos no Módulo I, compartilhando experiências vivenciadas sobre a doença/dependência ecodependência de forma simples e objetiva.
       
    • Dinâmicas, Oficinas e Palestras, promovendo roda de conversas e troca de saberes entre os membros e profissionais convidados;proporciona informação e reflexão ao grupo.
       
    • O pré-requisito para adesão ao módulo II é ter participado do módulo I.

 

 

 
Última atualização: 11/12/2019

O que é o Programa Redescobrindo?
O Programa Redescobrindo surgiu após uma análise dos atendimentos realizados pelo Serviço Social aos servidores aposentados da Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP que apresentavam recorrentes demandas de inserção social. Desde então proporciona um espaço para o debate e enfrentamento das questões que se apresentam com a efetivação na aposentadoria e a chegada da terceira idade.

Qual é o objetivo do Programa?
Acolher servidores aposentados da Universidade que são ou já foram atendidos pela equipe do Serviço Social, através de ações de cunho preventivo e educativo que contribuem para a melhora na qualidade de vida, proporcionando formas de enfrentamento das questões cotidianas.

Como se desenvolve o Programa?
O Programa realiza diversas atividades voltadas aos servidores aposentados como, palestras educativas, oficinas lúdicas, dinâmicas em grupo, atividades físicas adaptadas, passeios culturais e rodas de conversas. Os encontros são realizados com o assistente social, estagiários de Serviço Social, psicólogo e com o apoio de profissionais de diversas áreas e institutos da Universidade e externos.

Quando ocorrem os encontros?
Os encontros são realizados quinzenalmente, as quintas-feiras das 09:00 às 11:30h, no âmbito da Universidade e semestralmente atividades externas.

Como faço para participar?
A adesão ao Programa acontece através de encaminhamento do Serviço Social e/ou procura espontânea através dos telefones (19) 3521-4857 ou (19) 3251-4858 com a equipe do Serviço Social do GGBS. Nos encontros é permitida, ao servidor aposentado, a participação de um acompanhante.