Convite: Dia do Pé Diabético

Última atualização: 17/10/2019

COMPARTILHAR

CONVITE

O Dia do Pé Diabético em 2019 será na sexta feira, 11 de outubro, com o primeiro grupo das 8h30 às 10h e segundo grupo das 10h às 12h.

O evento é destinado à Comunidade da Unicamp e familiares.

Orientações para o Dia do Pé Diabético:
● Não é necessário agendar;
● Chegar na data marcada e apresentar-se na recepção do Cecom;
● As palestras serão realizadas no Cipoi (prédio ao lado).


O Diabetes Mellitus (DM) é uma doença causada pela diminuição da produção de insulina ou pela disfunção em seu aproveitamento pelas células do corpo humano. Quando a insulina não logra êxito em sua função, ocorre o aumento da taxa de glicose no sangue; esse açúcar, pela sua natureza lesa os pequenos vasos sanguíneos do corpo, atingindo capilares extremamente importantes, que deixa então de transportar corretamente o sangue e de nutrir a área por ele irrigado. Os capilares podem estar principalmente localizados nos rins, cérebro, coração, mãos e pés, passando a sofrer cronicamente pela ação agressiva da glicose. 

O DM enquadra se no grupo das doenças crônicas não transmissíveis (DCNTs), somando no mundo todo 422 milhões de adultos com diabetes, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), sendo só no Brasil 12 milhões de pessoas com diabetes, conforme a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD). Diante de tamanha magnitude, insere-se o Cecom (Centro de Saúde da Comunidade - Unicamp), que atua na prevenção e tratamento não apenas do DM, mas também de seus agravos, como é o caso do pé diabético. 

O pé diabético é um problema causado pela hiperglicemia sustentada por longo tempo, sendo a perda de sensibilidade dos pés, a principal causa de lesões. A sensibilidade nos protege de traumas, uma vez que a dor causada é sentida pela pessoa e medidas são tomadas como meio de proteção, evitando feridas ou infecções, por isso é tão importante a avaliação da sensibilidade dos pés da pessoa portadora de DM. Estima se que no Brasil 43.726 diabéticos tenham úlceras nos pés e que 25% dos diabéticos desenvolverão úlcera nos pés pelo menos uma vez na vida (Fiocruz). 

Frente a este cenário de expressivo número de feridas, porém prevenível, o Grupo de Diabetes Multidisciplinar (GDM) do Cecom desenvolve um trabalho preventivo com os seus pacientes durantes as consultas de rotina e no evento anual conhecido como “Dia do Pé Diabético”. É neste dia que testes neurológicos simples e indolores são realizados, a fim de descobrir precocemente a perda de sensibilidade protetora (PSP). Iniciamos com uma palestra sobre “AUTO CUIDADO COM OS PÉS” e finalizamos com uma “CONSULTA DO PÉ”.


.
   
 
 
ARQUIVO GGBS

COMENTÁRIOS DEIXE SEU COMENTÁRIO